Beijo Mortal

José M G Pereira

Foto: © José M. G. Pereira

Perdido nos lábios de outrora,
Que um dia foram nossos,
Reduzo-me ao vazio de os ver:
Não toco,
Não sinto,
Não vivo.

Perdi-me outrora nesses lábios,
Nos olhos que escondes,
Apoderei-me do teu olhar,
Senti-me o teu dono:
Pura fantasia.

Encontro-te e permaneço quieto,
Sem balbuciar um palavra,
Escuto o teu monólogo,
Que me enfeitiça mortalmente:
Porque me matas aos poucos?

Com o teu semblante de anjo,
Os olhos mais ternos,
Os lábios mais atrativos,
Que encontrei na minha vida,
Planeias a minha devastação,
À medida que te afastas:
Volta! – peço-te.

Anúncios